Surfari | Trip-o-Rama México: Los Cabos pt.3 Trip-o-Rama México: Los Cabos pt.3 | Surfari

Trip-o-Rama México: Los Cabos pt.3

Surfari
Vivemos, respiramos e amamos o que fazemos

No pequeno Surfari em família, eu, meu primo e meu tio chegamos à praia El Tule, que é uma espécie de Drive-in do surf, pois só chega até lá quem estiver motorizado.

 

%name %title

El Tule, Baja California Sur, México – O Drive-in do surf.

 

Por sinal, a cultura automobilística americana é um caso à parte. A maioria dos carros são customizados de acordo com as necessidades dos donos, e no caso dos surfistas não era diferente.

 

%name %title

Os carros bombados dos americanos para fazer o Surfari. Na foto, uma Hummer em primeiro plano, e as linhas de direitas.

 

%name %title

Camionetes customizadas para colocar pranchas em cima.

 

%name %title

Outra 4X4 preparada para a surftrip perfeita, Baja California Sur – México.

 

O mar estava glassy, as séries estavam entrando e tinha pouca gente na água. Chega o momento que você deseja o ano todo e mesmo que você se esforce para parecer sério, um sorriso brota no seu rosto.

 

%name %title

Linhas de direitas entrando em sequência. Impossível segurar o sorriso.

 

El Tule é uma praia de tombo, com fundo de pedras e uma fina camada de areia em cima. Como um dia a praia foi uma saída de rio, o fluxo moldou um point break para a direita indo em direção ao canal. Uma máquina de ondas é o resultado disso.

 

%name %title

O canal e a direita sendo desfrutada por alguém que não conheço.

 

%name %title

Belo visual. El Tule – Baja California Sur – México.

 

%name %title

Eu em um momento bem egoísta, mas, que me torna uma pessoa melhor.

 

 

Como era o primeiro dia do swell, as ondas tinham cerca de 3 pés, com séries que chegavam a 4-5 pés. Mesmo com este tamanho razoável, a velocidade e a força da onda impressionam e formam uma parede no melhor estilo racetrack, ou seja, guarde o seu cutback para o Brasil.

 

%name %title

Cruzando na espuma.

%name %title

Um dia de diversão na máquina de direitas.

 

Embora eu tenha visto alguns tubos quebrando não vi nenhum surfista cruzando por dentro. O nível de surf dos que estavam na água não é tão qualificado como em outros lugares do Mundo, o que facilita a divisão de ondas entre todos. Enquanto surfávamos, o crowd sempre se mantinha entre 5 e 8 pessoas no outside, o que pouco representava diante da farta quantidade de ondas.

 

%name %title

O local com o melhor nível de surf na água, começando um leque bonito.

 

%name %title

Linhas consecutivas de duas direitas iguais e vazias. Cena rara de se ver no Brasil.

 

Cabeça feita pela manhã inteira. O swell ganhava intensidade e no dia seguinte as onda ficariam maiores, mas não sabíamos se o El Tule iria segurar a bronca…

Continua…

 

Texto: Duda Linhares

Fotos: Duda Linhares e Ricardo Linhares

Instagram