Surfari | Todos os CEOs do Mundo Deveriam Surfar Todos os CEOs do Mundo Deveriam Surfar | Surfari

Todos os CEOs do Mundo Deveriam Surfar

Surfari
Vivemos, respiramos e amamos o que fazemos

A definição de empreendedor no dicionário descreve o indivíduo que é capaz de empreender, de realizar tarefas complexas, coloca em desenvolvimento, executa. Começamos uma empresa dois anos atrás sem muito saber o que exatamente fazia um empreendedor. Tínhamos a noção de que estávamos criando um negócio, mas não necessariamente que éramos empreendedores.

Bem, uma das coisas que sabíamos é que queríamos trabalhar com temas relacionados ao surf e seu amplo universo. Muito legal na concepção e no discurso, mas difícil de equilibrar as contas na prática. Numa dessas oportunidades que cruzam pela vida, começamos a desenvolver algumas coberturas de eventos para a Câmara de Comércio Americana (Amcham). Terno e gravata, mundo corporativo, RH, finanças… no início pipocaram algumas brotoejas de ouvir falar nesses temas mas, aos poucos, percebemos que dentre o escopo de ‘tarefas complexas’ que define um empreendedor, começamos a imprimir nosso background e estilo de surf nos vídeos corporativos que produzíamos.

Levar as referências do mundo líquido para o corporativo não é uma questão de ser bom ou ruim, é apenas a vida como ela é. Por exemplo, a tempos atrás dizer em uma entrevista de emprego que surfar era a coisa que você mais gostava de fazer pesava negativamente na avaliação geral. Graças a caras como Kelly Slater e outros surfistas profissionais, hoje em dia é motivo de orgulho estufar o peito e dizer que o surf é uma das razões da sua existência. Surf é a obtenção de equilíbrio em um ambiente instável, é desafio constante, é superar limites. Isso, na essência, é muito parecido com o ato de empreender. Por mais que às vezes o mundo pareça estar cada vez mais certinho (ou coxinha, se preferir), empreendedores nunca deixaram de ser aventureiros (no bom sentido), pessoas arrojadas que enxergam em um problema uma oportunidade. Um empreendedor pode até planejar dias, meses e anos à frente de suas ações e seu negócio, mas ele sabe que é no presente que as coisas realmente estão acontecendo. E estar no presente é uma das coisas que melhor sabe fazer um surfista.

___

O vídeo que você assiste a seguir é o resultado de um desafio que nos foi proposto pela Amcham, eles nos demandaram um vídeo que fizesse o link entre o mundo líquido e o mundo corporativo. Gostaríamos de deixar claro que as imagens presentes neste vídeo não são de nossa autoria, elas foram retiradas de diversos vídeos e comerciais de empresas que, de alguma forma utilizaram o surf como forma de comunicação de valores. Caso alguma delas sinta-se lesada em fazer parte deste manifesto, é só entrar em contato por email e nos dar um toque (contato@surfari.com.br). Ah, o texto, a pesquisa e edição são do Surfari; e a narração é do fera Lucas Schertel. Além desses recados, fica aqui um muito obrigado ao Pedro Valério e toda equipe Amcham por sempre confiarem no nosso trabalho e por proporcionar a plataforma pra que a gente conseguisse imprimir nossa identidade e a liberdade criativa nos projetos.

Mais abaixo, deixamos uma foto da época em que trabalhávamos assiduamente com a Amcham e dois vídeos que produzimos e dos quais nos orgulhamos muito.

Manifesto Amcham Porto Alegre

Manifesto AmCham Porto Alegre from Surfari on Vimeo.

CEO Fórum Amcham 2013

 

Instagram