Surfari | Surf melhora a humanidade? 10 razões para acreditar que sim. Surf melhora a humanidade? 10 razões para acreditar que sim. | Surfari

Surf melhora a humanidade? 10 razões para acreditar que sim.

Surfari
Vivemos, respiramos e amamos o que fazemos

O surf nos faz pessoas melhores, certo? Talvez, tal afirmação, seja um velho clichê. Ainda existem aqueles que não veem sentido na emoção de preciosos segundos de troca de energia com o oceano. É por isso que o surf não se explica, se sente.

Ao ler algumas matérias do portal The Inertia (para quem reclama que surfista não tem cultura, lá é possível encontrar preciosos insights), uma delas, em especial, me chamou bastante a atenção, ‘10 Reasons Surfing Improves Humanity‘, escrito por Zach Weisberg. Ali estão ensinamentos importantes para nossa evolução pessoal, e também, como surfistas. Recitando um texto que está na minha cabeça, e em breve será postado:

“Por que acordar às 6:30 da manhã de um domingo? Por que entrar em um mar em que a temperatura da água é capaz de deixar todos os membros do corpo adormecidos? Por que viajar horas, dias, semanas, ou durante a vida toda, apenas para praticar um esporte?”

%name %title

Apenas surfe. Você será mais feliz. É uma promessa. Foto: Chris Burkard

Dos milhares de motivos pessoais do porquê devemos surfar, aqui estão 10 deles:

1 – Você vai se importar mais com o planeta, pois irá entendê-lo melhor.

Qual foi a última vez em que sua vida girou em torno da natureza? Você saberia dizer, na ponta da língua, o tempo do nascer do sol, do pôr-do-sol, da maré cheia, ou da maré baixa? Meu palpite seria: não recentemente. Por mais ignorante que uma pessoa qualquer possa considerar o clássico surfista estereotipado, há um número infinito de variáveis que contribuem na criação de ondas perfeitas. Todas essas variáveis estão profundamente enraizadas no fluxo e refluxo do planeta Terra, restaurando a íntima conexão entre o comportamento humano e o mundo natural. Não são causados por conexões de nossos iPhones ou Google Glasses. Por sinal, desligue-os de vez em quando.

2 – Você vai ser mais feliz.

Sol é bom. Realmente bom. Você sabia que em torno de 18 milhões de americanos sofrem de depressão anualmente, e parte disso pelo simples fato deles não tomarem sol o suficiente? Além de tristes, são pálidos. Obviamente, o sol também pode ser perigoso. Aproximadamente 3,5 milhões de casos de câncer de pele são diagnosticados nos Estados Unidos todos os anos, mas, se você se cuidar, será: mais feliz, saudável e bonito(a) do que costumava ser.

3 – Você será mais saudável.

Além de ficar mais saudável e bronzeado(a), seu corpo vai sentir os efeitos de um estilo de vida mais ativo e saudável. Você pode igualar todas as calorias que seriam queimadas em uma academia fechada enquanto está no oceano apreciando um nascer ou pôr-do-sol.

4 – Você será mais flexível.

Figurativamente e literalmente. No surf, o campo de batalha está constantemente mudando. Vento, tempo e maré. Tais condições estão em constante mutação. Seu sucesso será ditado por sua habilidade em se adaptar ao ambiente. Isso soa como… a vida?

5 – Você ficará doente por causa da poluição.

Não de um modo figurativo. Literalmente, se você surfar depois da chuva no sul da Califórnia, você ficará doente. Febres, dores de estômago, coceiras, hepatite, etc. Tudo isso pode ser uma consequência direta do nojento escoamento do sistema público de esgoto. Como resultado, você irá pensar duas vezes antes de jogar qualquer tipo de lixo no chão. Pois, eventualmente, isso vai terminar no oceano. E você, sendo um surfista, vai terminar no hospital.

6 – Você será humilde.

Falando de perspectiva. Individualmente, consistentemente nos falta a habilidade de pensar sobre qual é o nosso lugar no planeta. No oceano, isso não é um problema. No momento em que você confronta uma muralha de energia, vinda das profundezas do oceano, e quebrando na sua cabeça, esta autoconsciência se desintegra. Nós somos pequenos.

7 – Você entenderá o significado de comunidade.

Poucas comunidades como o surf possuem regras próprias com tanto sucesso. Ao passar dos anos, o surf desenvolveu uma lista de regras não-escritas, que permite a todos surfarem com segurança e equilíbrio. É claro que há exceções a estas regras, mas em geral, se o surfista oferece respeito, e esforço sincero para manter a etiqueta, ele terá esse respeito de volta.

8 – Você será mais paciente.

Você não irá surfar ondas perfeitas todos os dias. Você não consegue aprender a surfar em uma semana, ou até mesmo, em um ano. Ambos levam tempo e estão além de seu controle. A habilidade de aceitar as coisas que você não pode mudar irão se transferir, também, para os outros elementos de sua vida.

9 – Você terá uma nova apreciação pela espiritualidade.

Considerando o pensamento do músico e surfista Jim White, tirados de West of Jesus, um romance de Steven Kotler: “Você pega uma onda em seu ápice e, no momento em que ela começa a completar seu ciclo vital, a onda morre ao completar seu destino. O que realmente está acontecendo enquanto surfamos é, na verdade, um tipo de dança da morte compartilhada”. Profundo? Seja bem-vindo.

10 – Você irá fazer improváveis amigos.

Acredite ou não, há lugares em Gaza em que Israelenses e Palestinos surfam juntos. Eles compartilham as ondas. Eles riem. Eles deixam de lado o derramamento de sangue que já dura séculos, em razão do surf. “O surf é um equalizador”, proferiu Tony Corley, Presidente da Black Surfing Association. “Você pode ir lá e ter o melhor momento de sua vida, ou também, você pode morrer. A mãe natureza não conhece limites.”

Então, desligue o computador e faça do mundo um lugar melhor. Vá surfar!

Fonte de inspiração: The Inertia

Tradução, edição e introdução: Cássio Cappellari

Instagram