Surfari | Guess the Spot apresenta: Cabo da Boa Esperança, África do Sul Guess the Spot apresenta: Cabo da Boa Esperança, África do Sul | Surfari

Guess the Spot apresenta: Cabo da Boa Esperança, África do Sul

Surfari
Vivemos, respiramos e amamos o que fazemos

África, o maior continente do planeta, considerado por muitos historiadores como cenário onde o homo sapiens teve sua origem. Não bastasse isso, ao longo de milhares de anos ela também foi palco de guerras, de descobertas, e chegando mais próximo ao nosso século… de surf.

Surf na África, provavelmente estas breves palavras nos remetam diretamente ao sul do continente africano.

Em 1488, quando o navegador português Bartolomeu Dias partiu de seu país com o intuito de desvendar os mistérios do hemisfério sul do planeta, provavelmente não imaginava a qualidade das ondas que estava prestes a encontrar, afinal, eram embarcações portuguesas e não polinésias.

%name %title

Embarcações portuguesas entre os séculos XIV e XV.

O que foi descoberto naquela época não foram direitas perfeitas, de paredes longas e lisas, e sim, uma maneira de chegar na parte oriental do mundo através do oceano, e assim, a África do sul se tornou o país protagonista desta aventura.

Ao descobrir a passagem entre os oceanos Atlântico e Índico quase de forma acidental (quer adquirir mais cultura? Clique aqui e saiba a história completa.), Bartolomeu Dias e sua tripulação perceberam o exato ponto no extremo sudoeste da África. Cenário de fortes tempestades que desafiaram as técnicas da avançada escola naval portuguesa, e desta forma, intitularam tal ponto de ‘Cabo das Tormentas’.

%name %title

Divisória entre os oceanos.

Com o retorno à Portugal, o rei Dom João II soube da façanha de seus súditos, porém pensou: ‘Cabo das Tormentas não é um bom marketing, vamos nomear tal lugar de Cabo da Boa Esperança’, e, a partir deste momento, nascia o que hoje em dia é um dos pontos turísticos naturais mais famosos do mundo.

%name %title

Cabo da Boa Esperança. Foto: Lucas Zuch

Após esta introdução histórica, você pode estar pensando, ‘tá, e as ondas?’.

Bom, ao redor da região, incluindo a Cidade do Cabo, há centenas de opções de praias, com ondas de todos tipos, lados e tamanhos. Para você ter uma ideia, ao buscar a região de Cape Town no site Wanna Surf, verá quase 150 picos de surf catalogados. Sim, é um indício forte de uma excelente opção para uma surf trip. Se você não se importar com os amigos dentuços.

%name %title

Grande swell de inverno em Dungeons. Fonte: surfspotsmap.com

Direção da ondulação: pode variar conforme o pico.

Direção do vento: pode variar conforme o pico.

Melhor época para o surf: junho à agosto (inverno).

Traje apropriado: Full suit no inverno (long john 4.3mm ou mais grosso, touca, luvas e botas); long john 3.2mm no verão.

Texto: Cássio Cappellari

Instagram